COMPANHIA DE CONCESSÕES RODOVIÁRIAS
CNPJ/MF 02.846.056/0001-97
NIRE 35.300.158.334

ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO
REALIZADA EM 17 DE DEZEMBRO DE 2010 E RE-RATIFICAÇÃO DA ATA DE REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 13 DE DEZEMBRO DE 2010.

1. DATA, HORA E LOCAL: Realizada aos 17 dias do mês de dezembro de 2010, às 14:00 horas, na sede social da Companhia, localizada na Avenida Chedid Jafet, nº 222, bloco B, 5º andar, na Cidade de São Paulo, Estado de São Paulo.

2. PRESENÇA: Presente a totalidade dos membros eleitos do Conselho de Administração da Companhia.

3. MESA. Assumiu a presidência dos trabalhos o Sr. Eduardo Borges de Andrade, e como secretário, o Sr. Marcus Rodrigo de Senna.

4. Os Conselheiros, por unanimidade de votos e sem quaisquer restrições, abstendo-se de votar os legalmente impedidos, conforme atribuição prevista no artigo 12, inciso (xvi), do Estatuto Social da Companhia, e, em conformidade com os artigos 897 e seguintes da Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002, conforme alterada, deliberaram aprovar:

(i) A retificação do valor nominal unitário e do montante total da 1ª emissão, pela Vialco Concessões Rodoviárias SPE S.A., de debêntures simples, não conversíveis em ações, em série única, da espécie subordinada com garantia adicional, para distribuição com esforços restritos de colocação, em consonância com a Instrução da Comissão de Valores Mobiliários – CVM nº 476, de 16 de janeiro de 2009 (“Debêntures” e “Emissão Vialco”), a qual a Companhia irá conceder fiança conforme aprovado na Reunião do Conselho de Administração da Companhia de 13 de dezembro de 2010:

(a) Com relação ao valor nominal unitário das Debêntures, que constou como sendo R$1.024.120,55 (um milhão, vinte e quatro mil, cento e vinte reais e cinqüenta e cinco centavos), quando na verdade é R$1.021.733,68 (um milhão, vinte e um mil, setecentos e trinta e três reais e sessenta e oito centavos);

(b) Com relação ao montante total da Emissão Vialco, que constou como sendo R$819.296.440,00 (oitocentos e dezenove milhões, duzentos e noventa e seis mil, quatrocentos e quarenta reais), quando na verdade é R$ R$817.386.944,00 (oitocentos e dezessete milhões, trezentos e oitenta e seis mil, novecentos e quarenta e quatro reais);

(ii) Ratificar todas as demais deliberações tomadas na precitada Reunião do Conselho de Administração da Companhia de 13 de dezembro de 2010.

5. Não havendo mais nada a ser tratado, a reunião foi interrompida pelo tempo necessário à lavratura desta ata. A reunião foi então reiniciada, a ata lida, achada em ordem e aprovada e assinada por todos os presentes. São Paulo, 17 de dezembro de 2010. Sr. Eduardo Borges de Andrade, Presidente da mesa, e Sr. Marcus Rodrigo de Senna, Secretário. Conselheiros: (1) SR. EDUARDO BORGES DE ANDRADE; (2) SR. FRANCISCO CAPRINO NETO; (3) SRA. ANA MARIA MARCONDES PENIDO SANT’ANNA; (4) SRA. ANA DOLORES MOURA CARNEIRO DE NOVAES; (5) SR. GILBERTO AUDELINO CORREA; (6) SR. HENRIQUE SUTTON DE SOUZA NEVES; (7) SR. MARCELO PIRES DE OLIVEIRA DIAS; e (8) SR. RICARDO COUTINHO DE SENA. Certifico que a presente é cópia fiel do original lavrado no livro próprio.

Marcus Rodrigo de Senna
Secretário