FATO RELEVANTE

Para fins do disposto na Instrução CVM nº 358, a CCR S.A. (“CCR”) (B3:CCRO3; Bloomberg: CCRO3BZ; Reuters:CCRO3.SA), a respeito de notícias publicadas na imprensa no dia de hoje, no tocante às declarações do governador do Estado de São Paulo a respeito dos contratos de concessão rodoviária deste Estado, esclarece aos seus acionistas e ao mercado em geral o que segue:

O Grupo CCR, dentro do âmbito de atuação, é acionista de concessionárias de rodovias do Estado de São Paulo. Parte essencial de sua estratégia de negócios é a busca contínua da melhoria da satisfação de seus usuários, que, por diversas vezes, passa por investimentos adicionais que são regularmente discutidos com o Poder Concedente. Na evolução das negociações, tais investimentos podem ser acrescidos ao respectivo Contrato, cujo reequilíbrio econômico-financeiro pode se dar, dentre outras formas, mediante a prorrogação de prazo dos Contratos de Concessão, formalizada por meio de respectivo Termo Aditivo, o qual, se efetivado, é levado ao conhecimento dos acionistas e do mercado em geral, mediante a publicação de respectivo Fato Relevante.

A CCR está sempre atenta às oportunidades em infraestrutura, dentro da sua estratégia de crescimento qualificado e disciplina de capital, orientada pelas normas vigentes e as boas práticas de governança corporativa, informando aos seus acionistas e ao mercado em geral o desenrolar dos fatos que vinculem a Companhia a compromissos de investimento / desinvestimento, com o objetivo de viabilizar soluções de investimentos e serviços em infraestrutura, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico e ambiental das regiões onde atua.

As mesmas informações estão disponibilizadas no site da Companhia, www.ccr.com.br/ri.

Para acessar o Fato Relevante, clique aqui.

São Paulo, 24 de janeiro de 2019.

CCR S.A.
Arthur Piotto Filho
Diretor de Relações com Investidores