FATO RELEVANTE

A CCR S.A. (“CCR” ou “Companhia”) (B3: CCRO3; Bloomberg: CCRO3 BZ; Reuters: CCRO3.SA), comunica aos acionistas e mercado em geral que, na manhã de hoje, em decorrência da 55ª fase da Lava Jato – Operação Integração – conduzida pela Polícia Federal, foram realizadas busca e apreensão de documentos na sede da Companhia, na sede de sua controlada RodoNorte – Concessionária de Rodovias Integradas S.A. (“RodoNorte”), bem como na residência de ex-executivo e executivos do Grupo, dentre eles, Sr. José Alberto do Rêgo Moita, ex-Diretor Presidente da RodoNorte e Sr. Cláudio José Machado Soares, Diretor Operacional da RodoNorte, sendo estes dois últimos detidos pelo prazo de 5 dias.

A Companhia informa que adotará as medidas cabíveis para apuração dos fatos, reiterando que os trabalhos do Comitê Independente continuam em curso, sendo conduzidos em sigilo, sendo certo que, ao final das investigações, o Comitê Independente deverá apresentar suas conclusões diretamente ao Conselho de Administração da Companhia, para que este possa deliberar quanto às eventuais medidas necessárias.

As mesmas informações estão disponibilizadas no site da Companhia, www.ccr.com.br/ri.

Para acessar o Fato Relevante na íntegra, clique aqui.

São Paulo, 26 de setembro de 2018. 

 

CCR S.A.
Arthur Piotto Filho
Diretor de Relações com Investidores


CONTATO RI

Telefones: (11) 3048-5941 / 5955 / 6353 / 2108
E-mail: invest@grupoccr.com.br
Website: www.ccr.com.br/ri