Para fins do disposto na Instrução CVM nº 358, a CCR S.A. (“CCR”) (Bovespa:CCRO3; Bloomberg: CCRO3BZ; Reuters:CCRO3.SA) comunica aos seus acionistas e ao mercado em geral que nesta data, suas controladas indiretas CCR España Emprendimientos S.L.U. (“CCR ESPAÑA”) e Alba Concessions Inc. (“ALBA”), celebraram Contrato de Compra e Venda de Ações e Outras Avenças (“Contrato”), regido sob a lei do Estado de Nova Iorque, Estados Unidos da América, para a aquisição de: (i) 4,5% (quatro vírgula cinco por cento) do capital social da Quiport Holdings (“QH”), detidos por Aecon Airports Inc. e Black Coral Investments Inc. (“BLACK CORAL”); (ii) 3,375% (três vírgula trezentos e setenta e cinco por cento) dos créditos oriundos da dívida subordinada da Corporación Quiport (“QUIPORT”), detidos por Aecon Investments Corp e BLACK CORAL; e (iii) 50% (cinquenta por cento) do capital social da ADC&HAS Management Ltd.. (“ADC&HAS”), detidos por ADC Management Ltd. e pela HAS Development Corporation. O valor total da aquisição é de US$ 46.194.280,00 (quarenta e seis milhões, cento e noventa e quatro mil, duzentos e oitenta dólares norte-americanos). Referida aquisição está relacionada ao Projeto do Aeroporto Internacional de Quito, no Equador, cuja participação atual da Companhia, indiretamente, por meio de suas controladas, é de 45,5% (quarenta e cinco vírgula cinco por cento) (“PROJETO QUITO”).

O Contrato prevê que a consumação da aquisição e o pagamento do preço estão sujeitos ao cumprimento de condições precedentes, dentre elas, a obtenção da prévia autorização dos financiadores da QUIPORT.

Com a conclusão da presente aquisição, a CCR passará a deter, indiretamente, 50% do PROJETO QUITO e o Grupo Aecon e o Grupo ADC (“OUTROS ACIONISTAS”) passarão a deter, em conjunto, 50% (cinqüenta por cento) de todos os ativos do PROJETO QUITO, participação societária esta que, concomitantemente ao fechamento da operação ora noticiada, os OUTROS ACIONISTAS venderão, com base em contrato também sujeito a condições precedentes, dentre elas a prévia autorização dos financiadores da Quiport, ao Grupo Odinsa S.A. (“Grupo ODINSA”).

Após a conclusão de ambas operações, o PROJETO QUITO será detido em percentuais iguais de 50% (cinquenta por cento), pelos Grupos ODINSA e CCR.

A conclusão da aquisição ora anunciada representa a concretização de mais uma etapa do planejamento estratégico do Grupo CCR, visando o crescimento qualificado e agregando valor aos acionistas.

São Paulo, 08 de junho de 2015.

Arthur Piotto Filho

Diretor de Relações com Investidores