FAQ

1) Qual é o código da ação e onde ela é negociada?

O código da ação da CCR é CCRO3 e é negociada somente na Bovespa.

2) O que é o Novo Mercado?

O Novo Mercado é um segmento de listagem destinado à negociação de ações emitidas por companhias que se comprometam, voluntariamente, com a adoção de práticas de governança corporativa adicionais em relação ao que é exigido pela legislação.

A principal inovação do Novo Mercado, em relação à legislação, é a exigência de que o capital social da companhia seja composto somente por ações ordinárias. Porém, esta não é a única. Por exemplo, a companhia aberta participante do Novo Mercado tem como obrigações adicionais:

» Extensão para todos os acionistas das mesmas condições obtidas pelos controladores quando da venda do controle da companhia (tag along).

» Realização de uma oferta pública de aquisição de todas as ações em circulação, no mínimo, pelo valor econômico, nas hipóteses de fechamento do capital ou cancelamento do registro de negociação no Novo Mercado.

» Conselho de Administração com mínimo de 5 (cinco) membros e mandato unificado de até 2 (dois) anos, permitida a reeleição. No mínimo, 20% (vinte por cento) dos membros deverão ser conselheiros independentes.

» Melhoria nas informações prestadas, adicionando às Informações Trimestrais (ITRs) – documento que é enviado pelas companhias listadas à CVM e à BOVESPA, disponibilizado ao público e que contém demonstrações financeiras trimestrais – entre outras: demonstrações financeiras consolidadas e a demonstração dos fluxos de caixa.

» Melhoria nas informações relativas a cada exercício social, adicionando às Demonstrações Financeiras Padronizadas (DFPs) – documento que é enviado pelas companhias listadas à CVM e à BOVESPA, disponibilizado ao público e que contém demonstrações financeiras anuais – entre outras, a demonstração dos fluxos de caixa.

» Divulgação de demonstrações financeiras de acordo com padrões internacionais IFRS ou US GAAP.

» Melhoria nas informações prestadas, adicionando às Informações Anuais (IANs) – documento que é enviado pelas companhias listadas à CVM e à BOVESPA, disponibilizado ao público e que contém informações corporativas – entre outras: a quantidade e características dos valores mobiliários de emissão da companhia detidos pelos grupos de acionistas controladores, membros do Conselho de Administração, diretores e membros do Conselho Fiscal, bem como a evolução dessas posições.

» Realização de reuniões públicas com analistas e investidores, ao menos uma vez por ano.

» Apresentação de um calendário anual, do qual conste a programação dos eventos corporativos, tais como assembléias, divulgação de resultados etc.

» Divulgação dos termos dos contratos firmados entre a companhia e partes relacionadas.

» Divulgação, em bases mensais, das negociações de valores mobiliários e derivativos de emissão da companhia por parte dos acionistas controladores.

» Manutenção em circulação de uma parcela mínima de ações, representando 25% (vinte e cinco por cento) do capital social da companhia.

» Quando da realização de distribuições públicas de ações, adoção de mecanismos que favoreçam a dispersão do capital.

» Adesão à Câmara de Arbitragem do Mercado para resolução de conflitos societários.

Além de presentes no Regulamento de Listagem, alguns desses compromissos deverão ser aprovados em Assembléias Gerais e incluídos no Estatuto Social da companhia.

Para saber mais informações, clique aqui.
Fonte: Bovespa

3) O que é preciso para investir em ações da CCR?

Para investir em ações da CCR ou de qualquer empresa é necessário entrar em contato com uma corretora de valores. A relação das corretoras de valores que operam no Brasil está disponível no website da BOVESPA. Através do e-mail bovespa@bovespa.com.br é possivel obter informações sobre o funcionamento da BOVESPA.

4) Qual o número total das ações da CCR? Quantas estão em circulação no mercado?

A CCR tem um total 2.020.000.000 ações e 55%, aproximadamente, está em circulação no mercado.

5) Quais os direitos concedidos aos detentores de ações da CCR?

A CCR é uma empresa listada no Novo Mercado. Portanto, seu capital social é composto de 100% de ações ordinárias nominativas (“ON”).

Diante disso, os acionistas da CCR, detentores de ON, têm os seguintes direitos:

» direito de voto (previsto na Lei das S.A.)

» tag along de 100% (A Lei das S.A. diz que os acionistas detentores de ON possuem o direito de receber por suas ações no mínimo 80% do valor pago para o controlador em caso de venda da empresa – “tag along”. A extensão para todos os acionistas das mesmas condições obtidas pelos controladores quando da venda do controle da companhia – “tag along 100% é uma inovação das empresas listadas no Novo Mercado, conforme previsto no Regulamento de Listagem do Novo Mercado);

» recebimento de dividendos.

6) Qual a política de dividendos da Companhia?

A política de dividendos está prevista no Estatuto Social da Companhia, Capítulo VI – EXERCÍCIO FISCAL E DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS, conforme abaixo transcrita:

“CAPÍTULO VI. – EXERCÍCIO FISCAL E DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS – Artigo 20. – O exercício social tem início em 1º de janeiro e término em 31 de dezembro de cada ano. Ao final de cada exercício social, serão levantadas as demonstrações financeiras relativas ao exercício social findo, a serem apresentadas ao Conselho de Administração e à Assembléia Geral dos acionistas.

Parágrafo Único – A Companhia levantará balanços patrimoniais semestrais, observando as disposições legais aplicáveis.

Artigo 21. – O lucro líquido apurado em cada exercício, após as deduções legais, terá a destinação que for determinada pela Assembléia Geral, de acordo com a proposta apresentada pelo Conselho de Administração e Conselho Fiscal, se em funcionamento.

§ 1º – Aos acionistas é assegurado o direito ao recebimento de um dividendo anual obrigatório não inferior a 25% (vinte e cinco por cento) do lucro líquido do exercício ajustado na forma do artigo 202 da Lei nº 6.404/76, conforme alterado.

§ 2º – A Companhia poderá declarar, por deliberação do Conselho de Administração, dividendos intermediários, à conta de (i) balanço patrimonial semestral, ou (ii) lucros acumulados ou de reservas de lucros existentes no último balanço anual ou semestral.

§ 3º – A Companhia poderá, ainda, pagar juros sobre o capital próprio, na forma e limites da legislação aplicável.

§ 4º – Os dividendos intermediários e os juros sobre o capital próprio declarados em cada exercício social poderão ser imputados ao dividendo mínimo obrigatório do resultado do exercício social em que forem distribuídos.

§ 5º – Todo o lucro líquido não destinado, na forma da lei, à reserva legal, à reserva para contingências, à retenção de lucros previstos em orçamento de capital aprovado pela Assembléia Geral de acionistas ou à reserva de lucros a realizar deverá ser distribuído como dividendos.

Artigo 22. – Os dividendos distribuídos e não reclamados no prazo de 03 (três) anos reverterão em favor da Companhia.”

7) Quais são as empresas controladoras da CCR?

A CCR é controlada pelas seguintes empresas, com suas respectivas porcentagens:
Andrade Gutierrez – 14,86%
Camargo Corrêa -14,86%
Soares Penido Concessões – 15,05%
Novo Mercado – 55,23%

8) Quais são os negócios administrados pela Companhia? Onde eles estão localizados?

NovaDutra – Concessionária da Rodovia Presidente Dutra S.A. – BR-116, ligando Rio de Janeiro e São Paulo.

AutoBAn – Concessionária do Sistema Anhangüera Bandeirantes S.A. – três rodovias ligando São Paulo, Campinas e Limeira.

Rodonorte(1) – Concessionária de Rodovias Integradas S.A., ou Rodonorte – quatro rodovias ligando Curitiba, Apucarana, Ponta Grossa e Jaguariaíva.

ViaLagos – Concessionária da Rodovia dos Lagos S.A. – três rodovias atendendo a Região dos Lagos do Estado do Rio de Janeiro.

ViaOeste – Concessionária do sistema rodoviário Castello Branco-Raposo Tavares, localizado no Estado de São Paulo.

RodoAnel – Concessionária responsável pela administração dos 32 quilômetros do trecho oeste do Rodoanel Mário Covas, importante via que integra as Rodovias Raposo Tavares, Castello Branco, Anhangüera, Bandeirantes e Régis Bittencourt.

Renovias – Concessionária que administra cerca de 345,6 quilômetros de extensão, ligando a cidade de Campinas até o sul de Minas Gerais. Com distribuição de 220,5 quilômetros de pistas duplas e 125,1 quilômetros de pistas simples, a malha viária faz interface com 15 municípios: Campinas, Jaguariúna, Santo Antônio de Posse, Mogi Mirim, Mogi Guaçu, Estiva Gerbi, Aguaí, Casa Branca, Mococa, Espírito Santo do Pinhal, São João da Boa Vista, Águas da Prata, Vargem Grande do Sul, Itobi e São José do Rio Pardo.

SPVias – Concessionária que atualmente administra 515,0 quilômetros de extensão, interligando as regiões de Sorocaba, Tatuí, Avaré e Itapeva. A malha viária da rodovia faz interface com aproximadamente 12 municípios na região sudoeste do estado de São Paulo.

ViaQuatro(1) – Concessionária da linha 4 do metrô de São Paulo S.A.

ViaRio(1) – Concessionária responsável pela construção e, posteriormente, administração da via expressa de 13,0 quilômetros, interligando os bairros de Deodoro à Barra da Tijuca, na cidade do Rio de Janeiro. A construção da Transolímpica faz parte do pacote de investimentos para a Olímpiada de 2016.

Barcas(1) – Concessionária que detém o direito de exploração das linhas regulares de transporte aquaviário de passageiros, no estado do Rio de Janeiro.

Aeroporto Internacional de Quito(1) – Concessionária do Aeroporto Internacional de Quito (NAIQ), no Equador. O aeroporto está localizado em uma zona franca com isenção de imposto de renda.

Aeroporto Internacional de San Jose(1) – Concessionária do Aeroporto Internacional de San Jose (AISJ), na Costa Rica. O Aeroporto Internacional de San Jose está localizado na província de Alajuela, aproximadamente a 20 km do centro de San Jose.

Aeroporto Internacional de Curaçao(1) – Concessionária do Aeroporto Internacional de Curaçao (AIC), em Curaçao. O Aeroporto Internacional de Curaçao (“AIC”) está localizado na costa Norte da ilha de Curaçao, aproximadamente a 15 km do centro da capital Willemstad.

(1) Detemos 100% do capital social de cada uma de nossas concessionárias, exceto da RodoNorte, de cujo capital somos titulares de 85,92% das ações e os acionistas locais, de 14,08%; da ViaQuatro, que somos titulares de 58% do capital; do RodoAnel, aonde somos titulares de 98,9% das ações; da Renovias, de cujo capital detemos 40%; da Transolímpica, da qual somos detentores de 33,33% do capital social; da Barcas, de cujo capital social detemos 80%; Quito, de cujo capital social somos titulares de 45,5%; San Jose, de cujo capital social detemos 48,75%; e Curaçao, de cujo capital social detemos 40,8%.

9) Quais as extensões de cada concessionária?

NovaDutra – 402 Km
AutoBAn – 317 Km
Rodonorte – 568 Km
ViaLagos – 60 Km
Via Oeste – 162 Km
RodoAnel – 32 Km
Renovias – 345 Km
SPVias – 515 Km
Via Quatro – 13 Km
ViaRio – 13 Km
MSVia – 847,2 km
VLT – 270 km
Metrô de Salvador – 41 km

10) Qual a data de término de cada concessão?

NovaDutra – Fevereiro de 2021
AutoBAn – Abril de 2027
Rodonorte – Novembro de 2021
ViaLagos – Janeiro de 2047
Via Oeste – Dezembro de 2022
ViaQuatro – Abril de 2040
RodoAnel – Junho de 2038
Renovias – Junho de 2022
SPVias – Setembro de 2028
ViaRio – Abril de 2047
MSVia – Dezembro de 2048
Barcas – Fevereiro de 2023
Aeroporto de Quito – Janeiro de 2041
Aeroporto de San Jose – Maio de 2026
Aeroporto de Curaçao – Agosto de 2033
BH Airport – Abril de 2044
TAS – Junho de 2038
Metrô de Salvador – Outubro de 2043
Transolímpica – Abril de 2047

11) Quem é o poder concedente de cada concessão?

NovaDutra – ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres)
AutoBAn – ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo)
Rodonorte – DER – PR (Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Paraná)
ViaLagos – DER – RJ (Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Rio de Janeiro)
Via Oeste – ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo)
ViaQuatro – Governo do Estado De São Paulo
RodoAnel – ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo)
Renovias – ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo)
SPVias – ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo)
ViaRio – Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro
Barcas – Governo do Estado do Rio de Janeiro
Aeroporto de Quito – Municipio del Distrito Metropolitano de Quito
Aeroporto de San Jose – CETAC (Consejo Técnico de Aviação Civil)
Aeroporto de Curaçao – CAH (Curaçao Aiport Holding)

12) Como o acionista da CCR pode verificar sua posição acionária? Pode ser verificada pela internet?

O acionista poderá obter a sua posição acionária em qualquer agência do Banco Itaú S.A., munido dos seguintes documentos:

Pessoa Física:
CPF
RG
Comprovante de endereço
(original, ou cópia autenticada)

Caso seja solicitado por procurador deverá ser apresentada procuração outorgada, bem como a documentação pessoal do procurador.

Pessoa Jurídica
Cópia do Estatuto Social da Empresa
Última Eleição da Diretoria
Documentos pessoais do solicitação

Caso seja solicitado por procurador deverá ser apresentada procuração outorgada, bem como a documentação pessoal do procurador e dos outorgantes.

As informações serão encaminhadas ao acionista, de acordo com o endereço constante no Sistema de Ações.

Nas Agências Especializadas em Valores Mobiliários, o acionista poderá obter a posição no ato, devendo ser apresentada a mesma documentação acima.

Posição por procuração somente nas Agências Especializadas em Valores Mobiliários, sendo que o procurador deverá estar munido do documento de identificação, CPF, comprovante de residência e, cópia da procuração.

Agora as principais informações para o controle dos seus investimentos estão disponíveis na internet: posição acionária, extrato de movimentação, aviso de pagamentos, informe de rendimentos e boletim de subscrição.

Caso você não seja correntista do Banco Itaú, a consulta pode ser feita com total segurança através de um portal exclusivo para acionistas no site Investshop Itaú. O acesso é simples e rápido, basta acessar www.investshop.com.br/acionistas. É só seguir o passo a passo, informando os dados solicitados e, ao finalizar, a consulta já estará disponível.

Caso você seja correntista dos segmentos Itaú, Uniclass e Personnalité , para consultar basta acessar sua conta no http://www.itau.com.br/. No Menu Conta Corrente está disponível o Informe de Rendimentos e no Menu Investimentos as demais consultas de suas Ações Escrituradas pelo Itaú. Tudo simples e seguro.

É muito mais conveniência para você!

Para esclarecer dúvidas ou ter mais informações, ligue para (11) 3003-9285 (Capitais e Regiões Metropolitanas) ou 0800-7209285. O horário de atendimento é em dias úteis das 9h às 18h.

13) Qual a participação da CCR nos índices de mercado da Bolsa de Valores de São Paulo?

Carteira – Setembro a Dezembro de 2012

Índice Sigla Participação da CCR %
Ibovespa IBOV 1,236
Índice Brasil Amplo IBRA 1,469
Índice Brasil 50 IBrX-50 1,928
Índice Brasil IBrX 1,563
Índice Carbono Eficiente ICO2 3,556
Índice de Governança Corporativa Trade IGCT 1,989
Índice de Ações com Governança Corporativa IGC 2,531
Índice de Governança Corporativa – Novo Mercado IGC-NM 4,071
Índice de Sustentabilidade Empresarial ISE 5,635
Índice de Ações com Tag Along Diferenciado ITAG 2,371
Índice Valor BM&FBOVESPA IVBX-2 5,375
Índice Mid-Large Cap MLCX 1,643

A CCR também participa do índice MSCI Latin America

15) Quais ferramentas a CCR utiliza na comunicação com o mercado?

Teleconferências trimestrais em português e em inglês
Site com todas as informações necessárias
Eventos para investidores institucionais
Eventos para investidores Pessoa Física
Visitas ao Centro de Controle Operacional (CCO) da rodovia